Gestão tributária nas empresas: entenda qual é a importância

Gestão tributária nas empresas: entenda qual é a importância

Ter uma boa gestão tributária na empresa, é sinônimo de manter uma administração financeira organizada e em dia. Ou seja, é manter o empreendimento sempre cumprindo a lei e com os impostos pagos em dia.

Entenda aqui nesse post, qual é a importância de manter a gestão tributária e o controle de entradas e saídas financeiras da empresa organizados.

O que é Gestão tributária?

A gestão tributária nada mais é do que o gerenciamento dos tributos de uma empresa. A finalidade dessa gestão é adequar o planejamento e executar, da melhor forma possível, todas as operações que tenham relação com os tributos do empreendimento.

Ao contrário do que muitos imaginam, a gestão dos tributos não diz respeito somente ao departamento de impostos da empresa, mas sim, a todos os departamentos que podem ter relação ou alguma influência com a geração dos tributos.

Os três principais objetivos da gestão tributária são corrigir qualquer erro quando se trata do cumprimentos das obrigações fiscais da empresa, evitar multas, sanções e até mesmo o pagamento indevido dos impostos e encontrar maneiras de economizar no pagamento de tributos, mas é claro, de forma lícita.

Por que as empresas devem fazer?

Todo ano, milhares de empresas são intimadas no Brasil, por conta de inconsistência nos dados tributários apresentados. O que muitos não sabem é que os empreendimentos que recebem essa intimação, mas não corrigem as inconsistências, podem receber multas de 75% e 225% sobre o valor do imposto que não foi quitado.

Apenas com essa informação já é possível ter uma ideia da importância de fazer a gestão tributária da empresa, não é mesmo? Afinal de contas, não é meta de nenhuma organização, ter prejuízos ao final do mês, ainda mais quando eles poderiam ser facilmente evitados.

Outro fator importante na realização dessa gestão é que, ao saber exatamente quais tributos devem ser pagos, o administrador consegue saber exatamente qual é a melhor forma de tributação para a empresa. A vantagem aqui, é que quando isso é feito, é possível reduzir os valores a serem pagos.

Como fazer a gestão tributária?

O primeiro passo para fazer uma boa gestão tributária é organizar os processos de pagamentos da empresa. Para isso, é preciso entender tudo o que a lei exige em relação aos tributos da empresa em questão.

Ao organizar tudo e descobrir o que deve ser pago ou não, é possível saber se existe algum tributo que está sendo pago sem que haja necessidade. É aí que muitas empresas acabam economizando um bom dinheiro ao fazer a gestão tributária.

É por isso que a pessoa responsável por gerir os tributos da organização precisa ter uma visão macro de todo o negócio. Porque somente assim, é possível conhecer de onde vêm todas as entradas e saídas financeiras e entender qual será a melhor forma de gerir.

Caso não exista nenhum profissional qualificado para isso na empresa, é recomendado até que a organização contrate alguém para o cargo específico de gestão tributária, ou terceirize o serviço. O mais importante é manter todas as tributações em dia e economizar com isso.

Também podem te interessar

Receba novos conteúdos
no seu email: