Saiba como fazer o processo de desligamento passo a pass

Saiba como fazer o processo de desligamento passo a passo

Na rotina dos profissionais de RH é comum ter que realizar o processo de desligamento de um colaborador. No entanto, sabemos que independente dos motivos da dispensa, a tarefa não é nada fácil. Por isso, para facilitar essa fase, trouxemos o passo a passo para o processo de desligamento.

Acompanhe no artigo dicas de como fazer um processo de desligamento e boa leitura!

O que é processo de desligamento?

Primeiramente, entenda que o desligamento de um colaborador da empresa é um processo que representa o fim de um contrato de trabalho. Ou seja, é quando o colaborador é dispensado dos seus serviços. Sabemos que não é uma tarefa tao fácil assim para o setor de RH, mas com as informações corretas pode ser conduzido de maneira correta e amigável. Antes de saber como fazer o processo de desligamento passo a passo, entenda as formas de desligamento do colaborador

Como solicitar o desligamento de um funcionário?

Na CLT está previso algumas formas de desligamento. Nem sempre esse processo é consequência de um pedido de demissão do funcionário ou ato de desligamento da empresa. Confira as 5 maneiras previstas pelo Ministério Público do Trabalho de fazer o desligamento de um funcionário.

1 – Dispensa sem justa causa;

2- Dispensa por justa causa, causada pelo empregado;

3- Pedido de demissão;

4- Término de contrato por ato culposo do funcionário. Rescisão indireta.

5- Rescisão por culpa recíproca.

Para saber com mais detalhes sobre cada forma de desligamento e os motivos para cada um, acesse o link.

Como fazer um processo de desligamento?

Agora que você já sabe o que é o processo de desligamento e as formas de demissão, se liga no passo a passo para realizar essa tarefa.

  •  Não passe a informação adiante

Só comunique a demissão de um funcionário com pessoas que realmente precisam saber, caso contrário, guarde a informação, assim você evita um mal-estar desnecessário na empresa e entre a equipe do colaborador que será dispensado.

  • Oriente quem dará a notícia

Apesar de o RH ter participação direta com a admissão e demissão dos colaboradores, dar a notícia do desligamento geralmente é função do superior do funcionário. Por isso, é importante orientá-lo sobre a melhor forma de comunicar a decisão.

  • Busque um ambiente adequado

É indispensável comunicar a decisão para o colaborador em um ambiente reservado, longe dos olhares curiosos e de terceiros. Além de ser ético, o colaborador se sente mais a vontade, pois, normalmente, o desligamento envolve emoções demasiadas.

  • Escolha um horário adequado

A nossa sugestão é informar o desligamento ao funcionário na parte da manhã, pois dá tempo do profissional passar alguma demanda para outro colaborador e se despedir dos colegas de trabalho.

  • Respeito acima de tudo

Pode acontecer de alguns funcionários deixarem as emoções aflorarem, assim como a irritabilidade, nervosismo ou tristeza. É importante que você mantenha a calma e o respeito. O processo de desligamento é um momento mais delicado, porém pode ser conduzida de maneira mais fácil.

Por hoje é só, mas se você gostou desse conteúdo e quer mais informações sobre admissão digital e tendências de RH,  assine a nossa newsletter e entre no nosso canal do Telegram: Eu Amo RH!

Até o próximo artigo! 💙

Também podem te interessar

Receba novos conteúdos
no seu email:

admissão