Como manter o engajamento dos colaboradores em home office?

Todo gestor entende perfeitamente o quão desafiador pode ser conseguir manter o engajamento dos colaboradores. Porém, quando esses mesmos colaboradores trabalham em home office, o desafio se torna maior ainda, já que estão longe de seus líderes e em um ambiente que nem sempre é o mais favorável.

Afinal, manter o engajamento dos colaboradores em Home Office é mesmo possível? E como fazer isso? Neste artigo vamos te responder essas perguntas e passar 6 dicas para que você consiga superar este desafio da melhor forma!

Quais são os maiores desafios em relação ao engajamento no home office?

Antes de pensar na solução para o problema, é preciso entender a raiz dele. Portanto, te convidamos a analisar quais são os maiores desafios que você está encontrando na gestão que possam estar dificultando a manutenção do engajamento do home office.

Essa pode não ser uma tarefa muito simples, mas é preciso pensar em todos os pontos para depois, melhorá-los. Para te ajudar com isso, trouxemos algumas das principais causas quando se trata de problemas com o engajamento de colaboradores. Confira:

Comunicação ruim

Um importante pilar para manter o engajamento dos funcionários é a comunicação eficaz. Isso porque uma comunicação ruim pode gerar problemas de compreensão e gerar atritos entre líder e liderados.

Por exemplo, se você passa uma tarefa para o colaborador de uma forma não eficaz, ele provavelmente não entenderá exatamente o que deve fazer. E, como a comunicação entre vocês é ruim, provavelmente ele não conseguirá tirar suas dúvidas. Então, até final do projeto esse colaborador já terá se desmotivado e, com certeza, não estará mais engajado.

Falta de confiança

Para quem nunca trabalhou em home office, ao iniciar essa nova rotina, existe um período de readaptação ao trabalho. A causa disso é que o profissional não está acostumado com o ambiente, a rotina de trabalho, a forma de se relacionar com a família nesta situação etc.

Essa fase de readaptação pode acarretar em uma queda na produtividade. Claramente essa queda de produtividade não pode ser deixada de lado. Porém, é papel do gestor lidar com isso sem demonstrar desconfiança, afinal, a falta de confiança pode desmotivar o colaborador e por isso, diminuir o engajamento dele com a empresa.

Não usar a tecnologia

Para que haja engajamento no home office é preciso que a tecnologia seja muito usada. Ela irá ajudar em basicamente todos os aspectos: comunicação interna, gestão de projetos, reuniões por videoconferências, controle de jornada, armazenamento e troca de documentações e dados etc.

Enfim, a tecnologia é fundamental e não pode, em hipótese alguma, ser deixada de lado!

6 dicas para manter o engajamento no home office!

Veja a seguir 6 dicas para manter o engajamento dos colaboradores mesmo em home office:

  1. Mantenha uma boa comunicação interna;
  2. Dê aos colaboradores um propósito e a sensação de pertencimento;
  3. Dê o devido reconhecimento aos profissionais;
  4. Incentive que os colaboradores exerçam a autonomia individual;
  5. Seja um líder que dá bons exemplos exercendo a lideranças colaborativa;
  6. Nunca deixe de dar feedbacks, sejam eles positivos ou negativos.

Também podem te interessar

Receba novos conteúdos
no seu email:

admissão