Indicadores de produtividade no Home Office: como usar corretamente?

Indicadores de produtividade no Home Office: como usar corretamente?

Ter equipes em Home Office já é uma realidade na grande maioria das organizações. Junto com as vantagens do trabalho remoto, alguns desafios surgem também. Por exemplo, você sabe dizer quais são os indicadores de produtividade no Home Office?

Mensurar os resultados do trabalho desenvolvido na organização é fundamental para que as metas sejam alcançadas e a empresa gere lucros. Portanto, se você ainda tem dúvidas sobre quais são os KPIs no trabalho à distância, não deixe de ler esse artigo!

Como mensurar os resultados?

Mensurar os resultados dos colaboradores que trabalham na empresa é um dos pontos chave para atingir o sucesso. Afinal, como já diz o ditado: “O que não é medido não é melhorado”. Apesar de a maioria dos empreendedores e gestores saberem disso, ainda existe a dúvida muito comum de como fazer isso.

A maneira mais comum e eficaz de mensurar os resultados é por meio dos KPIs (key performance indicators) ou indicadores de desempenho. Como o próprio nome já diz, eles servem justamente para indicar como está o desempenho de determinado ponto na organização.

Esses indicadores podem ser usados nos mais diversos âmbitos, sendo que para cada área ou projeto, indicadores diferentes devem ser utilizados. Por exemplo, os indicadores de produtividade são completamente diferentes dos indicadores financeiros.

Para obter um resultado preciso, basta definir quais métricas e dados são relevantes para o que está sendo medido e depois, cruzar as informações de maneira que você obtenha uma resposta. Para ilustrar, podemos citar o exemplo do indicador de turnover. Ao mensurar esse resultado, seria preciso entender a rotatividade da empresa e, para isso, o RH teria que cruzar as métricas de pessoas contratadas e pessoas desligadas em um determinado período de tempo.

Por outro lado, para mensurar os indicadores de produtividade, a conta envolveria outras métricas, já que o objetivo também é outro. Portanto, a seguir falaremos sobre quais são esses indicadores relevantes para saber como está o nível produtividade do teletrabalho na sua empresa.

Quais são os indicadores de produtividade no Home Office?

Quando o sistema de trabalho home office é inserido na cultura da empresa, é de se esperar que a produtividade não continue a mesma. Isso não quer dizer, necessariamente, que a produtividade diminuirá. Pelo contrário, pode ser que a produtividade aumente mais do que você espera.

Para ter certeza do resultado que o home office trouxe para a organização, é preciso saber exatamente quais são os indicadores de produtividade no trabalho remoto. Pensando nisso, elencamos aqui, os principais KPIs que você precisa conhecer!

  • Capacidade que é possível produzir em um determinado período de tempo;
  • Quantidade que está sendo produzida em relação à capacidade;
  • Qualidade do trabalho exercido;
  • Número de vezes que a meta é atingida;
  • Indicador de lucratividade da empresa;
  • Posição da empresa perante os concorrentes;

Lembrando que os indicadores de produtividade devem sempre ser analisados conjuntamente. Afinal uma informação ou dado solto não te trará nenhuma resposta plausível a respeito da produtividade no home office. Além disso, essas métricas devem ser analisadas constantemente.

Também podem te interessar

Receba novos conteúdos
no seu email:

admissão