Guia da comunicação interna: tudo o que você precisa saber

Guia da comunicação interna: tudo o que você precisa saber

Se pudéssemos escolher uma ação essencial para o sucesso de um negócio, com certeza seria investir na comunicação interna. Se você nos acompanha por aqui, sabe que falamos sempre que a comunicação é a base para alinhar objetivos e engajar os colaboradores. Além, é claro, de transmitir as informações necessárias para se alcançar resultados positivos na empresa.

Neste artigo abordaremos como um guia da comunicação interna pode ser útil para o seu negócio. Confira!

O que é comunicação interna?

Em resumo, a comunicação interna é o compartilhamento e a transmissão de informações no ambiente de trabalho com foco nas ações dos colaboradores. Seu objetivo é alinhá-los com a cultura organizacional e promover um local de trabalho amigável, com uma equipe motivada.

Quais as principais estratégias da comunicação interna?

Há vários tipos de comunicação interna nas empresas, e é bem provável que você já aplique uma delas. Porém, existem outros métodos de se comunicar com os colaboradores. Confira:

  • Comunicação escrita 

A comunicação escrita está presente em toda a empresa. Desde o post-it deixado na mesa do computador, até no cartaz pendurado na porta. Esse formato é indispensável para qualquer negócio, e segue sendo comum nas newsletters, e-mails, Intranet, plataformas colaborativas, redes sociais e aplicativos de mensagens.

  • Comunicação verbal 

Acontece o tempo todo, a mais formal delas são as reuniões, mas a comunicação verbal é, também, aqueles diálogos informais do cotidiano. Além disso, entram nessa categoria as palestras, workshops, treinamentos presenciais na empresa, conteúdos em vídeo e confraternizações.

  • Comunicação visual

A comunicação visual se refere a todos os tipos de sinalização da empresa. Ou seja, os logotipos em letras caixa, placas de sinalização, adesivos de parede, banners, cartazes, quadros, murais de recados e tudo que seja visualmente informativo.

  • Comunicação vertical 

Essa comunicação é voltada exclusivamente para os altos níveis hierárquicos da empresa. Ou seja, os líderes, gestores e cargos de alto escalão. Nela há informações estratégicas e confidenciais, por isso é um conteúdo elaborado separadamente e tem acesso restrito.

  • Comunicação horizontal

Essa é a comunicação que tem o objetivo atingir todos os colaborares da empresa, independente do cargo, área e posição. Normalmente são informações gerais sobre o momento da empresa, novidades, direcionamentos e conquistas. O famoso comunicado geral.

  • Comunicação diagonal 

Já a comunicação diagonal é aquela que atinge uma área específica da empresa e vários níveis hierárquicos, é geralmente usada para direcionar as equipes de setores específicos ou comunicar uma área toda da empresa, como o marketing, por exemplo.

Qual é o principal objetivo da comunicação interna?

Como citamos no início do artigo, a comunicação é a base para as relações darem certo. No meio empresarial não seria diferente. E para isso acontecer, é indispensável criar um ambiente favorável ao desempenho, produtividade, inovação e satisfação profissional dos colaboradores.

Dessa forma, garantir que a comunicação seja clara evita prejuízos, erros e insatisfação. Pois, quando ela falha, pode gerar equipes improdutivas, funcionários desmotivados e clientes insatisfeitos, o que não é nada benéfico para a empresa e para a gestão.

No entanto, você precisa certificar-se de que a informação transmitida seja compreendida. Por isso, todo conteúdo da comunicação interna precisa integrar os colaboradores, sendo indispensável criar um plano de comunicação. Entenda que é preciso manter a conexão com os funcionários, assim eles se sentem respeitados, ouvidos e, consequentemente, a satisfação aumenta, tornando mais fácil seguir os valores e objetivos da empresa.

Como montar uma estratégia de comunicação interna?

Separamos algumas sugestões que irão te auxiliar a montar uma comunicação interna eficaz. Confira o nosso guia da comunicação interna!

1. Conheça o seu público-alvo, o perfil e os costumes.
2. Elabore um planejamento que faça sentido a curto, médio e longo prazo.
3. Compartilhe o conhecimento da empresa — busque promover treinamentos e ferramentas de aprendizagem.
4. Compartilhe boas e más notícias. Seja transparente!
5. Facilite a comunicação entre as áreas.
6. Ouça os colaboradores.
7. Use diferentes canais de divulgação.
8. Reconheça os esforços dos colaboradores.

Certamente você já aplica algumas dessas estratégias, porém esse é um guia da comunicação interna que acreditamos fazer a diferença na hora de transmitir as informações da sua empresa para os seus colaboradores.

Por hoje é só, mas se você gostou desse conteúdo e quer mais informações sobre admissão digital e tendências de RH,  assine a nossa newsletter e entre no nosso canal do Telegram: Eu Amo RH!

Até o próximo artigo! <h1> O que é e como formar uma equipe multidisciplinar? </h1>

 

Também podem te interessar

Receba novos conteúdos
no seu email:

admissão